novembro 29, 2004

Poema ao nosso PM



A Queda de Ícaro


Sonho que sou o Ministro eleito,
Aquele que diz tudo e tudo sabe,
Que tem a inspiração pura e perfeita,
Que reúne num acto a imensidade!

Sonho que uma decisão minha tem claridade
Para encher o mundo! E que deleita
Mesmo aqueles que pedem piedade!
Mesmo os de alma profunda e insatisfeita!

Sonho que sou Alguém cá neste mundo...
Aquele de saber vasto e profundo,
Aos pés de quem a Terra anda curvada!

E quando mais no céu eu vou sonhando,
E quando mais no alto ando voando,
Acordo do meu sonho... E não sou nada!...

adaptado de "Vaidade" de Florbela Espanca

novembro 25, 2004

Escandaleira!!!


Numa das visitas que faço, regularmente, ao Jumento descobri que tinha sido hoje inaugurado o novo Portal do Turismo. Segui o link e descobri na página principal uma sugestão que muito me agradou, a da minha cidade natal - Tomar.


No entanto, depois do agrado veio a surpresa e a indignação logo a seguir.


Primeiro a surpresa:

"A maior e mais preciosa obra do Renascimento (?!) em Portugal, o Convento de Cristo, encontra-se na cidade berço dos Templários, Tomar"

Link



Depois a indignação:

Deixei uma e depois mais outra sugestão/comentário com vista a corrigir o erro, e, espante-se, nenhuma delas pode ser vista online.

Pelos vistos os erros informáticos estão a alasttrar a todos os órgãos do Governo.
Alguém pare este virus!!!!

Começa hoje....

Começa hoje o julgamento mais mediático dos últimos tempos, não só pelos interlocutores que nele constam, mas também pelos crimes hediondos que engloba.
Crimes estes que põem em causa toda a consciência moral de uma sociedade, que põem em causa toda a cadeia de valores e sobretudo que põem em causa a suposta imunidade de personagens consagrados pelos audiovisuais, construídos através da máquina da celebridade, que lhes deu um nome, e que lhes abriu as portas para a venerabilidade, sem que fosse esta a abrir-lhas.
Que despejam lágrimas em prime time, para um País incrédulo e comovido pela “humildade”.
País ignorante, que sempre idolatrou e continuará a idolatrar aqueles que apenas conhece através da caixinha de ilusões chamada televisão. Caixinha de ilusões que tem servido não só para dar alimento “intelectual” aos que morrem de fome de letras por esse País fora, que é o centro das conversas quotidianas e que tem dado alimento também a políticos ainda mais iletrados do que o povo que governam.
O povo quer-se ignorante, já dizia o outro, embora por outras palavras, e é ignorante que continuará a ser conveniente que esteja, pois só assim a caixinha funcionará. A bel prazer dos poderosos, a bel prazer do Governo, os únicos que a podem manipular e com ela manipular os iletrados que somos.
Que venham mais vacas, cabras e porcos, que venham mais Cinhas, Santanetes e Metrossexuais. O povo iletrado é isso que quer. Quer circo, dêem-lhes circo. Alimentem-lhes os dias com futilidades e sobretudo desviem-lhes as atenções do que é realmente importante.

Terceiro Mundo, eis o que somos, não tenham ilusões!


Hoje, sobre o Processo Casa Pia:

Expresso
Público
Diário de Notícias
Correio da Manhã
Jornal de Notícias
Visão
A Capital

Porque não quero que fiquemos ignorantes!

Sinto-me triste




Em pleno século XXI, depois de termos conquistado a Lua, Marte, Saturno, continuamos a ter de ler notícias destas nos jornais.
A mulher continua a ser menos considerada do que a tecnologia, a estar num patamar de importância inferior ao dos resultados futebolísticos.

Felizmente nem todas vivem este inferno, mas uma que seja que o tenha de viver já é demais para ser suportável.

novembro 23, 2004

Ooooh.... :(



Hungria poderá proibir anedotas sobre loiras

"A Hungria poderá aprovar uma lei que proíbe as anedotas de loiras. No parlamento húngaro já deu entrada uma petição nesse sentido, entregue em mãos por um grupo de loiras que se manifestavam contra aquilo que consideram ser uma discriminação."
Veja mais no Diário Digital.

É que ainda por cima são as mais giras!!! As anedotas, claro!

P: Porque é que as loiras nao gostam de piadas de loiras?
R: Porque não conseguem entendê-las.


PS: Sem discriminação, claro...


Serviço Público


Há uns dias atrás deixei-vos aqui os links para algumas companhias de aviação de low fare.

Hoje, para que se sintam mais seguros, deixo-vos o link para uma base de dados deveras interessante.

O nome diz tudo:

Airdisaster

novembro 19, 2004

Academia Aberta do Turismo

Projecto integrado no MBA em Destinos Turísticos Academia Aberta arranca na Região de Turismo dos Templários.

O Instituto de Planeamento e Desenvolvimento do Turismo (IPDT) e a Associação Nacional das Regiões de Turismo (ANRET) promovem, no próximo sábado, dia 20 de Novembro, a primeira Academia Aberta do Turismo, que será dedicada à Região de Turismo dos Templários (Floresta Central e Albufeiras).

Trata-se de um projecto pioneiro em Portugal, de análise e de discussão dos temas associados ao desenvolvimento do turismo nacional (políticas e estratégias), sendo marcado essencialmente por duas grandes iniciativas: os "Encontros Nacionais" e os "Fóruns Online".

A primeira percorrerá o país, do Alto Minho ao Algarve, para análise e discussão de estudos de caso de cada uma das regiões de turismo nacionais, envolvendo personalidades de cada região, bem como os participantes no Master in Business Administration (MBA) em Destinos Turísticos; a segunda reunirá periodicamente, num fórum online, especialistas mundiais (em particular de países da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa) para análise das grandes tendências internacionais do turismo e seus impactos a nível nacional e local.

Estas iniciativas destinam-se à melhoria do conhecimento do sector do turismo, aplicado localmente a cada região. A principal meta é a de aprofundar o estudo do turismo em Portugal (suportado em grande parte por exemplos de sucesso internacionais) nas áreas de estratégia, marketing de produtos turísticos, oportunidades de investimento, impactos ambientais, turismo sustentável, envolvimento das comunidades locais e fomento de parcerias público-privadas.

In TomarOnline

novembro 18, 2004

Quanto vale uma vida?




Ou será melhor perguntar, para que vale uma vida?

Segundo as notícias avançadas pela comunicação social, a Endemol, produtora televisiva conhecida sobretudo pelos reality shows que tem desenvolvido na Europa, prepara-se para avançar com um “Big Brother Vitalício”, no qual os concorrentes estarão sujeitos a passar o resto da sua vida num ambiente fictício, criado pela direcção do programa, repito, até ao fim dos seus dias. Provavelmente sem notícias do exterior, sem saberem o que se passa no Planeta Terra que os acolheu, com uma exposição permanente da sua vida privada.
Será que conseguem arranjar candidatos? Uma exposição permanente destas, não poderá levar à loucura?
E se arranjarem candidatos, qual a razão de ser dessas pessoas?

Pergunto-me a mim própria até que ponto não deveriam existir regulamentos para proibirem este tipo de barbaridades.
Sim porque se fumas és um atrasado, se passas um risco contínuo numa recta alentejana de 5 kms, sem carros à vista num raio de 1000 m, pagas uma multa, mas se estás interessado em enclausurar alguém, mesmo que seja de livre vontade, para tirares daí lucro, batem-te palmas, e provavelmente até recebes um prémio.

Qual será o maluco transtornado que estará disposto a viver, de livre vontade, o resto da sua vida enclausurado, sem privacidade, com o único objectivo de viver para as audiências e para uma hipotética popularidade da qual nunca vai usufruir.

Bom, não li o regulamento, mas penso que poderão desistir, ou poderão mesmo fazer trinta por uma linha para que o público os expulse, mas tirando estas duas hipóteses, o programa poderia chamar-se Alcatraz.

Hipocrisias



Uma "liberdade" escolhida


Nunca considerei o tabaco como uma droga, embora haja quem o intitule assim. Será uma droga porque cria hábito e dependência física. Sim, mas prejudica apenas aquele que o consome e que o faz em plena consciência de que o está fazendo, prejudicando a sua própria saúde, não provocando efeitos "colaterais", como as drogas ou o álcool provocam.

Pelo que tenho lido nestes útlimos dias e fazendo jus ao dia mundial do não fumador - anteontem - o Governo avançou com as novas directivas respeitantes ao consumo do tabaco, as quais acho mesmo que fazem parte da evolução da saúde da própria sociedade, pese embora que esta deveria ser uma evolução pessoal e não obrigatória.

Temos então que em meados do próximo ano será proíbido fumar em locais públicos fechados e quanto a isso acho que não haverá problema de fiscalização. Será apenas mais um dos regulamentos a cumprir no que toca a regras de higiene e segurança. Mas pelo que li, e normalmente acredito naquilo que leio, não será proíbido fumar no local de trabalho desde que este tenha um bom sistema de ventilação, ou coisa que o valha. Então e aqui como é que vai funcionar a fiscalização? Deixa-se ao critério do empregador? Lá voltamos nós ao lema de George Orwell de que somos todos iguais, mas uns são mais iguais do que os outros. Porque não acredito que o governo esteja a pensar criar uma brigada de fiscalização que percorra o país inteiro, visitando todos os locais de produção, com vista a controlar a aplicação da lei.

Se querem que assim seja e que a lei seja cumprida então talvez valesse mais a pena fazer como o Butão, proíbirem completamente a venda do tabaco!

Hipocrisia, mas não tanto. Até porque o tabaco é uma boa fonte de rendimento para os cofres do Estado.

Ou seja vamos apenas ser mais um Estado, que quer (aparentemente) dar um ar de moderno e evoluído, quando todos sabemos, que é, precisamente o contrário.
Quando todos sabemos que falta muito caminho a percorrer até nos termos de preocupar com estes pormenores éticos.
Quando todos sabemos que num país à beira do abismo resta-nos apenas este infímo prazer que é o de acender um cigarro e por breves minutos esquecer.

Não esquecendo, no entanto, de que estamos a falar de uma obrigação e não de uma consciencialização colectiva, o que nos leva a supor que está a ser quebrado um dos direitos da cidadania: o direito à diferença, ou se quiserem, o direito da não exclusão.

novembro 17, 2004

Filmes em 30 segundos




Um site super engraçado a visitar. Veja Aliens, Shark, Titanic, Exorcist entre outros, em 30 segundos, interpretados pelos melhores actoroedores.

;-)

novembro 15, 2004

Ah! É verdade...


Acho que já tinha referido num post anterior, mas para reforçar a ideia aqui vai:

O SPORTING GANHOU!!!!

REESCREVER A PAISAGEM- (RE)CONSTRUIR DO "NADA"


Um artigo a não perder, no Templário! Autoria da Professora Salete da Ponte.

Cuecas de gente mais ou menos famosa...


Está na moda. Os reality shows com pessoas supostamente famosas está de facto na moda, senão o que é isto?

"Cuecas da cantora Simara, da estilista Ana Salazar, do músico Pedro Abrunhosa ou do futebolista Cristiano Ronaldo vão estar expostas a partir de domingo no Porto, numa iniciativa do Espaço T, que promove a inserção de pessoas em situação marginal." In RTP

O objectivo principal até pode ser bom, e ter um fim filosófico ("Queremos mostrar, metaforicamente, o objecto que esconde o trabalho a que o Espaço T se dedica, ou seja, a intimidade do indivíduo, o seu interior, a sua auto-estima", no mesmo artigo) , mas cuecas??

Será que existe neste país alguém de facto tão fã de Simara que queira comprar umas cuecas da mesma? (coisa nada prática, porque implica aquisição extra de mobiliário para as armazenar - ok, estou a ser mázinha)

E do Malato? Mas quem é que quer umas cuecas do Carlos Malato?

Será que li bem? Será que o objecto para venda está escrito com quê de nove? Não, aqui já entrávamos na prostituição, é ilegal, e também dúvido que as vendas tivessem sucesso.

Ok, admito, o mundo está perdido!!!

Smile!




Adoro estes dias de Sol de Inverno, em que o mesmo nos ilude e nos dá aquela energia própria do Verão. Sinto-me mais leve, mais alegre.
Não fossem as raízes que me prendem a este miserável país, que apesar de tudo amo, já há muito que teria levantado âncora e mudado para outro território onde o Sol nos brinda o ano inteiro.
Não fosse o frio que acompanha o nosso Sol de Inverno, quase que poderíamos pensar que estamos perto do Equador, numa zona tropical, onde a música tem sempre um timbre jubiloso, as faces um tom trigueiro e os dias são mais curtos e mais intensos.

E depois, o Sporting ganhou, a retoma começou, o congresso do PSD acabou, tenho férias marcadas e falta apenas um mês para o Natal.


Só boas razões para estar de bem com a vida!

novembro 12, 2004

Serviço Público

Para quem gosta de viajar, mas nem sempre tem os meios económicos necessários, deixo aqui os links para algumas das companhias de aviação low-fare, nas quais podem adquirir (com a devida antecedência, claro) bilhetes de avião a preços impensáveis:

EasyJet
Ryanair
Firstchoice
Virgin Express
Sterling

Boa viagem!

PS: Mandem postais!

Joke...




Um sádico, um masoquista, um assassino, um necrófilo, um zoófilo e um
pirómano estão sentados num banco de jardim, sem saber como ocupar o tempo.

Diz o zoófilo: "Vamos apanhar um gato!"

Diz o sádico: "Vamos apanhar um gato e torturá-lo!"

Diz o assassino: "Vamos apanhar um gato, torturá-lo e matá-lo!"

Diz o necrófilo: "Vamos apanhar um gato, torturá-lo, matá-lo e violá-lo!"

Diz o pirómano: "Vamos apanhar um gato, torturá-lo, matá-lo, violá-lo e atear-lhe fogo!"

Diz o masoquista: "Miau!"

novembro 09, 2004

Foi há 15 anos


Em 9 de novembro de 1989, as autoridades comunistas da Alemanha Oriental informaram aos moradores que o acesso ao outro lado da cidade estava liberado. Foi o começo do fim do Muro de Berlim, facto que representou dois importantes marcos: a reunificação alemã e o fim da guerra fria.

Web Photo Exhibition - O Muro de Berlim




novembro 03, 2004

Eleições americanas




Pois, parece que teremos de o comer e sem emBUSHar!


Seja como for, acho que isto não ia mudar, nem que fosse para comer com uma pitada de Heinz!